Dezesseis Luas

BCcover
Love is a risk for anybody… Go ahead, kill me.
(Beautiful Creatures, 2013. Dir Richard LaGravenese)

Depois do sucesso de bilheteria da série Crepúsculo, claro que os estúdios não descansariam até achar outra franquia sobrenatural para continuar explorando as adolescentes lucrando com filmes baseados nela. A bola da vez é Dezesseis Luas.

Dezesseis Luas é baseado no romance Beautiful Creatures, escrito por Kami Garcia e Margaret Stohl. Assim como Crepúsculo, um humano comum se envolve com o ser sobrenatural, e é aí que acabam as semelhanças entre os dois. Dezesseis Luas é mais digno que Crepúsculo, mas provavelmente foi por causa da comparação coma saga dos vampiros que o filme não foi tão bem sucedido. Uma pena, já que Dezesseis Luas é mais consistente que Crepúsculo.

sdds Ringerzinha <3

sdds Ringerzinha ❤

A trama desenvolve ao redor do encontro de Ethan Wate, humano normal além de narrador e protagonista, com Lena Duchannes, a garota nova na cidade que esconde um segredo. Já vimos essa história antes, mas Ethan é um personagem bem mais interessante que Bella. Órfão de mãe, Ethan mora na cidade de Gatlin, porém, quer ir para o mais longe possível, e visitar todos os lugares que conheceu pelos inúmeros livros que leu – inclusive, coracionando as referências à Charles Bukowski, Anthony Burgess, entre outros. É inconformado com a mentalidade pequena de seus colegas, e a chegada de Lena potencializa sua insatisfação, e ao defendê-la pela forma como a garota é tratada, os dois se aproximam e se apaixonam.

Beautiful-Creatures-_04

Mas, em uma cidade pequena, qualquer novidade será vista com desconfiança. E não bastasse ser a garota nova, Lena é sobrinha do “Boo Radley” da cidade (não entendeu a referência? af), Macon Ravenwood, interpretado por Jeremy Irons, e, claro, esconde um segredo. Na verdade, sua família é descendente de Conjugadores – termo politicamente correto para bruxas – , e ao completar 16 anos, Lena será convocada a usar seus poderes para a Luz ou para a Escuridão. Não é possível que a garota escolha seu destino, pois é uma maldição. E esse é o grande dilema do filme: como acabar a maldição e que Lena seja capaz de escolher seu destino. Uma temática que não fica presa no romance.

O universo em que a trama se passa também é bem desenvolvido. O filme trata de temas como intolerância religiosa e bullying, claro que não de forma tão profunda, pois o foco ainda é acabar a maldição e o romance, mas os personagens têm outras preocupações além de ficarem juntos. A cidade de Gatlin é um retrato interessante do Sul norte-americano extremamente religioso. O filme realmente transporta para aquela realidade, e o casal de atores protagonista também convence. Alden Ehrenreich acerta no tom sarcástico de Ethan, E Alice Englert consegue a proeza de não irritar como a mocinha que se culpa por tudo, mas ninguém supera Emma Thompson, que rouba a cena nos poucos momentos em que aparece.

Emma-Thompson-Beautiful-Creatures-610x242

Claro que nem tudo é perfeito. Dezesseis Luas é um filme focado em atingir seu público-alvo, e perde a chance de desenvolver melhor a temática destino x livre arbítrio. A atuação de Jeremy Irons é automática, Emmy Rossum tem uns momentos de vergonha alheia, mas, até os atores precisam pagar as contas. A motivação da grande vilã poderia ser mais explícita. Mas, apesar de todas essas falhas, Dezesseis Luas é um filme que pode acrescentar mais que os similares pelas suas referências literárias, subtrama, e retratar melhor o universo em que a história se passa.

Nota do Shitchat: o Blog gostaria de deixar claro que é de opinião exclusiva da autora do texto o fragmento “Emmy Rossum tem uns momentos de vergonha alheia” e que jamais, sob hipótese alguma, o Blog utilizaria algum adjetivo além de MARAVILHOSA ou derivados para caracterizar tamanha lindeza em forma de atriz. Grata.

NOTA MARCELLE MACHADO: 6,5

Média Claire Danes do Shitchat: Claire também entende de magia, gente.CLAIRE DANES FANTASMA

3 respostas em “Dezesseis Luas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s