Duro de Matar – A Vingança

diehard3a

(Die Hard: With a Vengeance, Dir. John McTiernan)

Engraçado que antes de o Blog nos passar a tarefa de assistir a todos os Die Hard, eu só tinha visto este Die Hard: With a Vengeance uma vez, certamente num intervalo em minha árdua missão de levar meu Caterpie Angela ao Lv. 100 no Pokémon Crystal. Lembro que havia gostado bastante, não sei se pelo fato de que as crianças do filme foram liberadas da escola e puderam sair correndo pela rua ou se era só esse amor que eu sinto em ver coisas explodindo. Provavelmente os dois. Fato é que fui ver agora pela segunda vez e OMG EU ESTAVA ERRADO.

Sério, foram duas horas sofridas nessa minha vida – e olha que na minha escola a gente tinha aula de RESISTÊNCIA DO CONCRETO e INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS. O negócio é que o filme em si não difere muito das duas delícias anteriores: tem um retardado loucaço da buceta fazendo merdas e matando gente e explodindo as paradas e John McClane tem que pegar o puto.  Desta vez, no entanto, resolveram que esse treco de one-man-army estava meio ultrapassado e Bruce Willis ganhou um companheiro.

af

af

Aparentemente alguém teve a brilhante ideia de dar um amigo ao McClane e esse amigo é justamente a pessoa mais intragável do cinema. Die Hard é bom até quando é ruim justamente por ser divertido, o que não é o caso deste DH3 pois Samuel L. Jackson SUGA CADA GOTA DE FELICIDADE PRESENTE EM NOSSOS CORPOS CADA VEZ QUE ABRE A BOCA. Seja com sua estereotipadíssima representação de “homem negro pobre comum” ou suas duas mil frases racistas, Samu mata o filme.

Mas não é só culpa dele. A maior parte das reclamações em torno do segundo filme tem a ver com as referências que ele faz ao primeiro. Não acho que necessariamente o problema são as referências, mas sim como elas são usadas. É tudo muito forçado etc, mas isso é papo pro texto anterior. O meu ponto é que lá exageraram nas menções e aqui simplesmente ignoram tudo. DH3 é completamente desconexo.

diehard3c

Tá, você nesse momento tá aí sentado em sua cadeira Office Presidente Plus comprada nas Casas Bahia em 10 vezes sem juros espumando como se fosse um personagem de série do Ryan Murphy de tanta raiva do que eu disse no parágrafo acima, uma vez que a porra do filme inteiro é sobre o irmão do Snape querendo se vingar pelo que o Bruce fez no primeiro filme. Você está meio-certo nessa aí, colego. Tem isso sim, mas isso soa muito mais como uma desculpa pra te lembrar que você está de fato assistindo a um Die Hard do que uma info que move a narrativa. Porque, pensa aí: eles serem irmãos ou o cara ser só um fã do McCLane ou qualquer outra palhaçada teria o mesmo efeito para o todo.

Até porque, por mais que o nome do filme me desminta, a motivação do vilão definitivamente passa longe de vingança. Ele quer é dinheiro e essa pode ser que seja uma referência um pouco mais sutil ao primeiro filme (“depois de toda a sua pose e seus discursos, você não passa de um ladrãozinho comum”, disse Bonnie Bedelia lá no DH original esta frase que se aplica também ao terceiro longa). Ficar rico é o objetivo, matar o McClane é algo que ele vai fazer se der, o que enfraquece uma personagem que tinha tudo pra ser fodíssima, até porque o ator que a interpreta é um ídolo meu.

ROGER DALTREY!!!!!!!!

ROGER DALTREY!!!!!!!!

Mas DH3 tem algumas coisas legais. Toda a sequência da explosão no metrô é do caralho e, quando não está sendo atrapalhado pelo Samuel L. Jackson, o John McCLane de Bruce Willis ainda consegue ser maneiro. Sem contar que não importa o quão cu seja, um Die Hard sempre vai ter mortes lindas, tipo o cara sendo cortado ao meio no navio.

<3

Dado o tamanho deste texto, acho que perdi meu poder de síntese, então não vou nem comentar o quão aleatório foi colocar o John como um bêbado lá no ínicio (WTF) ou a falta de Camille Braverman neste filme. No entanto, como você pode notar nas notas abaixo, DH3 (meio que) funciona para muita gente, então foda-se eu.

ANTES: Duro de Matar – 2
DEPOIS: Duro de Matar 4.0

NOTA FELIPE ROCHA: 4,0

Alexandre Alves: 7,0
Dierli Santos: 6,5
Marcelle Machado: 7,0
Tiago Lipka: 6,0
Wallyson Soares: 7,5

MÉDIA CLAIRE DANES DO SHITCHAT: 6,333333333 – ficou mei puta a Cleir com esse filme, tadinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s